sábado, enero 13, 2007


ESTRELA DO MAR

Marino Pinto e Paulo Soledade


Um pequenino grão de areia

Que era um pobre sonhador

Olhando o céu viu uma estrela

Imaginou coisas de amor

Passaram anos muitos anos

Ela no céu ele no mar

Dizem que nunca o pobrezinho

Pôde com ela encontrar

Se houve ou se não houve

Alguma coisa entre eles dois

Ninguém pode até hoje afirmar

O que é de verdade é que depois

Muito depois

Apareceu a estrela do mar.


Duas pessoas queridíssimas apresentarem-me esta música na última segunda feira, dia 8/01/2007, lá na Praia Grande no show da Tiquira Blues. Foi emocionante. Beto chorou, Cris arrepiou-se, me emocionei mais por eles do que pela música lindíssima.

Para vocês queridos Beto e Cris.

Grande beijo, vocês estão guardados.

5 comentarios:

suhelen dijo...

as estrelas iluminam céu e mar...

como toda boa amizade

[se houve ou se não houve algo entre eles dois (tanto céu quanto amr), ninguém pode até hoje afirmar...]

lindo!

^^

bjos pa moça bonita!

carolina dijo...

um sol noturno pode ser uma estrela do mar.
:)

tardezinha dijo...

"O que é de verdade é que depois
Muito depois
Apareceu a estrela do mar."

o tempo revelando verdades...

a singeleza é o que me encanta nesta música.

amore!
°°

carol vivi dijo...

a melodia é muito gostosa.. e ainda bem que pude ouvir antes da lombra!
beijos lora

yara b . dijo...

aaahhhh...
eu já ouvi essa música!
é linda, linda!
confesso que chorei também ao ouví-la pela prima vez.

mas ao ver os olhos verdes, eu sorrio.
=*